NOTÍCIAS - Projeto inovador promoverá educação ambiental e sustentabilidade no RS


Projeto inovador promoverá educação ambiental e sustentabilidade no RS
Publicada em :29/04/2020

Pensando nisso, as secretarias do Meio Ambiente e Infraestrutura (Sema) e do Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag) se uniram para desenvolver o programa Gestão de Responsabilidade Socioambiental, com a finalidade de implementar essa prática na gestão pública estadual. O Comitê Gestor, com representantes de 22 secretarias, da Procuradoria Geral do Estado e do gabinete do vice-governador, foi instituído a partir do Decreto nº 55.210/2020, publicado no Diário Oficial desta sexta-feira (24/04). A proposta está alinhada com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODSs) e com o Mapa Estratégico do Governo. A intenção do programa é estimular os órgãos públicos a implementarem práticas de sustentabilidade, além de fomentar a reflexão e a mudança de hábitos e promover a redução de gastos. As ações serão conduzidas a partir de cinco eixos: uso racional dos recursos naturais e dos bens públicos, gestão adequada de resíduos gerados, qualidade de vida no ambiente de trabalho, sensibilização e capacitação dos servidores e contratações e construções sustentáveis. A coordenadora da Assessoria de Educação Ambiental (Assea) da Sema, Lilian Zenker, explica que este projeto está alinhado com o que já vem sendo executado pela secretaria. “Nossa gestão tem como diretriz o comprometimento em executar políticas seguindo a agenda ambiental. Agora reunimos as ações do governo com aquelas que já são realizadas por nós. Com o Decreto, especialmente com a unificação de procedimentos, é possível trabalhar em cima de uma lógica que venha a reduzir o uso de recursos naturais e, por consequência, diminuir o gasto público”, explica. Uma das primeiras iniciativas será a implementação do projeto Compras Sustentáveis por parte da Subsecretaria Central de Licitações (Celic/Seplag). Um dos eixos do programa RS Licita Tri Legal, a iniciativa pretende ampliar a catalogação de bens e serviços sustentáveis e priorizar a contratação de obras públicas com a mesma preocupação ambiental. “O governo gaúcho sinaliza seu compromisso com as grandes metas de sustentabilidade global. Nosso objetivo é deixar um legado para a sociedade”, projeta a secretária de Planejamento, Leany Lemos. Outra frente de trabalho da Seplag, como responsável pela administração do Centro Administrativo Fernando Ferrari (Caff), é transformar o espaço que abriga a maior parte das secretarias e órgãos públicos do Estado em referência em termos de sustentabilidade. De acordo com o secretário da Sema, Artur Lemos Júnior, “este é um projeto inovador para mostrar que o Rio Grande do Sul dá exemplo e está fazendo a sua parte quando o assunto é meio ambiente e sustentabilidade. Com a atuação do Comitê, a responsabilidade socioambiental na gestão pública estará cada vez mais em evidência no Estado”. Texto: Bárbara Corrêa e Vanessa Trindade Foto: Leandro Osório/Especial Palácio Piratini


Confira Notícias Relacionadas
- Antártica: estudo avalia impacto ambiental na nova base brasileira
- Programa Quelônios da Amazônia (PQA) monitora milhares de tartarugas em GO
- Meio ambiente muda uso de água e energia
- DIÁLOGOS AMBIENTAIS
- Bolsa Verde ajuda 40 mil famílias em regiões remotas da Amazônia




O que fazemos Quem somos Multimídia Participe Colaboradores
    Fotos
Vídeos
Papéis de parede
Twitter FaceBookFlickOrkutYoutube Contato
Fique Atulizado Movimento Ambiental online      
Blog
Outros
Twitter
Facebook
Youtube
Orkut
   Ibama Fatma Fundema

© Movimento Ambiental
Rua Nove de Março - 737 - Cep: 89201-400 - Centro - Joinville - SC.
Telefone:(47) 4101-6261 / 4101-7010 
Desenvolvido por: Prof Miguel Silva